Início » Nanotecnologia no agro e o papel da Revella

Nanotecnologia no agro e o papel da Revella

A nanotecnologia no agro possibilita às indústrias de insumos agrícolas otimizar resultados, agregar valor e aumentar sua produção, de forma mais eficiente e sustentável.

Entende-se como nanotecnologia a ciência que estuda e trabalha com partículas equivalentes a 1 bilionésimo de um metro.

Seus benefícios são inúmeros, pois agregam inovação e alta performance quando aplicadas em fertilizantes, adjuvantes e outros produtos agrícolas. inovações, agilidade e precisão nos processos produtivos. 

É visível a crescente busca por aplicações nanotecnológicas nos meios de produção. 

Esta demanda já é uma realidade na cadeia produtiva do agro. 

Leia mais em: Nanotecnologia no setor agro: como a Revella influencia o segmento

Como produzir mais com menos?

Novas tecnologias para um dos setores que mais cresce no Brasil, se tornou imprescindível devido à necessidade de otimização da produção.

Ou seja, produzir mais com menos e produzir de forma mais sustentável.

Com foco nisto que se pode vislumbrar um futuro promissor para a nanotecnologia no agro. 

As linhas de aplicações da nanotecnologia no agro são inúmeras e muito utilizadas hoje em dia. 

Dentre elas, destacam-se algumas principais:

  • Nanosensores;
  • Degradação de agroquímicos;
  • Degradação do solo;
  • Entrega genética;
  • Entrega de fertilizantes;
  • Entrega de agroquímicos.

Saiba mais em: Uso de tecnologias para o aumento de produtividade na agricultura

Pesquisas brasileiras com nanotecnologia no agro

O Brasil é o maior produtor rural mundial e não fica de fora quando o assunto é nanotecnologia no agro. 

No país existem alguns centros de pesquisas financiados pelo governo, como a EMBRAPA (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), que, juntamente com o LNNA (Laboratório Nacional de Nanotecnologia para o Agronegócio) e outras 53 instituições, formam a rede Agronano

Essa rede é composta por diversos pesquisadores brasileiros e abrange todo o território nacional.

De acordo com a Embrapa, nos próximos anos, o avanço de pesquisas relacionadas à nanotecnologia no agro e as suas aplicações trarão impactos para a vida de 5 bilhões de pessoas ao redor do mundo.

Nanotecnologia agregando valor

Gerando benefícios na qualidade de vida, incrementando a produção de alimentos por área cultivada.

Além disso, a nanotecnologia no agro otimiza a qualidade dos processos agroindustriais, reduzindo custos de produção e produzindo de forma mais eficiente.

Saiba mais sobre: Biológicos no agronegócio: conheça a ciência que está por trás

Nanotecnologia no agro e suas aplicações

Existem diversas formas de aplicação da nanotecnologia dentro da cadeia produtiva do agronegócio brasileiro.

Alguns métodos de maior destaque estão no desenvolvimento de nanopartículas e nanoencapsulação para liberação controlada dos aditivos.

As soluções da Revella possuem efeito sinérgico com fertilizantes e defensivos agrícolas, sendo capazes de aumentar seu desempenho e eficácia.

Atualmente, muitas pesquisas estão voltadas para a redução do uso de defensivos químicos e na maior eficiência dos fertilizantes, é neste contexto que a nanotecnologia é um grande aliado no agro.

Leia mais em: Revella Agritech e Biosul Fertilizantes: Tecnologia em aditivos que inovou no mercado de fertilizantes

Papel das nanotecnologias da Revella Agritech para o agro

A Revella desenvolve aditivos de qualidades que visam otimizar a performance de insumos agrícolas.

Com variedade de produtos e aplicações para o agro, e em constante pesquisa para o desenvolvimento de novas tecnologias. 

O mercado agro hoje pode contar com aditivos para aplicação foliar que favorecem o desenvolvimento saudável das culturas, auxiliam na melhoria do sistema imunológico vegetal gerando efeito sinérgico na planta.

Por exemplo, aditivos desenvolvidos para o tratamento de sementes que potencializam a eficiência germinativa e o auxílio no controle de microrganismos fitopatogênicos.

Cápsulas Larvicidas que possui em sua formulação ativos de origem vegetal que atuam no combate e controle de insetos, mosquitos e larvas.

Os Biossensores que se tratam de testes qualitativos para a rápida detecção de Salmonella sp. em produtos como: proteínas e grãos.

Baixe nosso e-book: Revella test:  Biossensores para detecção de Salmonella spp.

Principais Vantagens de utilizar produtos Revella

Ainda não está totalmente convencido dos benefícios da nanotecnologia no agro e dos produtos Revella Agritech

Segue uma lista que vai te fazer ter certeza!

  • Tecnologia, produção e matéria-prima 100% nacional.
  • Estável em múltiplos veículos;
  • Promove sinergia buscando maior performance;
  • Sem geração de efeito residual.
  • Aumento de qualidade no plantio;
  • Aumento de produtividade e rentabilidade por área plantada;
  • Redução de perdas;
  • Cápsulas com gatilho e liberação controlada;
  • Redução de desperdício;
  • Redução de custos;
  • Sem efeito residual;
  • Aumento da eficiência nutricional das plantas;
  • Melhoria nos processos envolvidos no negócio.

Baixe nosso ebook: Uso de nanopartículas como inibidores de etileno pré-colheita

Gostou do post? 

Então deixe seu comentário e não esqueça de compartilhar nas suas redes sociais!

Acesse mais conteúdos exclusivos inscrevendo-se no nosso canal do YouTube, acompanhando nosso blog e seguindo a Revella Agritech no LinkedIn, Facebook e Instagram.

vivian.antunes@tnsnano.com

Artigos Relacionados

A Revella desenvolve soluções à base de nanotecnologia. Com uma g...
Os elementos- traço são considerados contaminantes tóxicos ao meio....
O desenvolvimento e o aumento da produtividade aquícola demandam te...
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram